Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tudo a Nu

Sexo. Dicas, histórias, fantasias, fotos. Sem preconceitos, ambas deixamos tudo a nu. Atreves-te?

Sexo. Dicas, histórias, fantasias, fotos. Sem preconceitos, ambas deixamos tudo a nu. Atreves-te?

Tudo a Nu

03
Nov17

Guia Prático - Sexo Oral no Feminino

Caro/a seguidor/a,

Gostaria de levar a sua parceira à loucura? Quer ser o/a ás do sexo oral?

1. Aprenda a apreciar o sabor.

Este pode variar, dependendo da altura do mês. Logo após a menstruação, estará mais suave, sendo que se tornará mais forte após a ovulação e até que a menstruação venha novamente. Se não é apreciador/a do sabor, experimente fazer-lhe sexo oral na altura do mês em que o sabor está mais discreto e aprenda a gostar aos poucos. Tenha em conta que esse sabor é seu, provocado por si, sexual, aprecie-o!

2. Explore.

Não tenha medo de explorar e conhecer. Desvenda a anatomia sexual feminina.

vulva1.jpg

3. Aqueça o ambiente.

Dê beijos de língua fogosos que possam antecipar o que poderá acontecer de seguida.

Beije a zona púbica, virilhas, expire sob o clitóris para que ela possa sentir o ar quente.

4. Não tenha pressa.

Humedeça os lábios, encoste-os ao clitóris, deixe-a sentir a sua língua. Não se esqueça que a língua é um músculo e pode estar contraída ou relaxada. Deixe a contração da língua mais para o final e preocupe-se em que ela sinta a suavidade da língua em lambidelas demoradas, preferencialmente na direção vagina-clitóris e de um lado para o outro.

5. Esteja atento/a às reações.

A respiração dela acelera? O gemido torna-se mais profundo, mais sofrido? Ela puxa a sua cabeça na sua direção? Está a correr bem! 

6. Chupe.

Sim, chupe! Sabia que o clitóris não é nada mais, nada menos, do que um pénis em modo miniatura, tendo a capacidade de também ficar ereto? Isso significa que, ao ser chupado, tal como acontece aos homens, é extremamente prazeroso. Nada melhor do que sentir a zona mais sensível do nosso corpo ser chupada por uma boca quente e húmida.

7. Penetração da língua.

Se se quiser atrever e se a mulher em questão gostar de ser tocada/penetrada na zona da vagina, porque não usar a língua para penetrá-la e olhá-la nos olhos?

8. Modo vibratório.

Ao inspirar ou expirar, tente encostar a boca ao orgão sexual e fazer com que este vibre. Se vai fazer barulho? Vai! Se você não se distrair, ela também não, vai estar simplesmente envolvida nas sensações tremendas. O orgasmo é garantido.

9. 2 em 1.

Sexo oral e penetração de 1 ou 2 dedos ou brinquedos sexuais. Penetre a vagina, insira os dedos a mais de metade e faça movimentos de "anda cá". Não entre e saia, pois isso irá prejudicar a performance no sexo oral e, atenção, o sexo oral é a nossa prioridade desta vez. Pode usar a outra mão para pressionar o fundo da barriga da parceira e potenciar a sensação da penetração.

10. 3 em 1.

Sexo oral e penetração vaginal e anal simultaneamente. Aqui pode ser mais fácil a utilização de um brinquedo sexual para colocar na zona anal (um plug, p.ex.), mas também é possível fazê-lo com os dedos. No ânus o segredo é ficar na entrada, penetrar a ponta do dedo (pode ser o polegar) e fazê-lo vibrar para que o esfíncter contraia e relaxe, sendo o que causa o prazer.

11. Não páre o movimento ao chegar ao orgasmo!

Se ela der todos os indícios de que está a chegar ao orgasmo, aconteça o que acontecer, não páre o movimento, não mude o ritmo, apenas continue! Se estiver a sufocar, aguente! Se tiver de espirrar, aguente! Não perca a oportunidade de dar um orgasmo estrondoso à sua parceira.

 

Mulheres seguidoras do nosso blog, concordam com as dicas? Querem acrescentar algum tópico? Ou... Querem conhecer alguém profissional na arte de fazer sexo oral? Preencham o questionário em Cupido e encontrem o que procuram.

 

Quanto aos homens, não nos esquecemos de vocês. O nosso próximo post será sobre Sexo Oral no Masculino!

 

Ebony & Iv,
Autoras do Blog Tudo a Nu

 

21
Set17

H2On Motel - Quarto LisbON

Para fugirmos da rotina, decidimos tirar um tempo para nós, relaxar e, claro, dar largas ao sentimento que nos une num local novo para ambas.

Após alguma pesquisa, acabámos por reservar um dos quartos LisbON, no H2ON Motel, em Frielas.

O quarto LisBON é um loft de dois pisos, em que, no superior, existe uma cama king-size extremamente confortável com vista para uma televisão LCD extra large e, no piso inferior, um jacuzzi e respetiva casa de banho com duche duplo.

 

 

 

Aproveitamos para fazer uma pequena review e partilhar com os nossos seguidores um pouco da nossa experiência.

 

Pontos positivos:
Tamanho da cama;
Limpeza;
Qualidade/tamanho do LCD existente;
O sofá tântrico, que abre todo um rol de possibilidades ao facilitar diversas posições sexuais;
Aspeto moderno, sem aqueles quadros/neons eróticos típicos pendurados nas paredes;
Rapidez do wifi;
Não saírmos do quarto a cheirar a tabaco;
O moderno jogo de luzes no quarto totalmente personalizável;
O sistema de entrada nas instalações (por um sistema eletrónico que entrega a chave do quarto respetivo e abre a barreira e respetiva garagem do quarto) que permite que tenhamos entrado e saído sem ver absolutamente mais ninguém, protegendo a nossa privacidade e limitando possíveis momentos awkward;
Preços acessíveis do room service, com muita variedade;
Edredons e roupões muito confortáveis;
Janela enorme, sendo possível estar no jacuzzi a apanhar banhos de sol;
Duche duplo, o que permite ao casal tomar banho juntos sem se "atropelarem" ou terem frio;
Ameninades de banho de boa qualidade.

 

Pontos negativos:
Demora do serviço da receção na abertura/fecho da garagem, dando uma sensação que se necessitarmos, por algum motivo, de sair rapidamente, tal seria difícil ou impossível;
Quarto pouco acolhedor, devido à cor branca das paredes e o aspeto talvez demasiado clean;
A impossibilidade de abrir a janela do quarto, aumentando a sensação de se estar fechado, o que reforça a crítica à demora para sair das instalações do Motel, em caso de urgência;
No parapeito da janela jazia um pequeno pássaro morto, que já aparentava estar naquele local há algum tempo;
Passámos algum tempo em volta das instruções do jacuzzi, que não correspondiam ao equipamento existente no nosso quarto;
Ausência de uma listagem de canais, tornando o zapping um pouco confuso, sendo que gostaríamos de ter tido mais opções a nível de canais eróticos;
Ausência de uma oferta de bebida (podia ser uma simples água);
Relação qualidade/preço um pouco elevada.

 

De modo geral, foi uma experiência bastante positiva.
Pensamos que este motel se distancia totalmente da conotação negativa associada a estes espaços como locais de prostituição, ou de encontros ilegítimos.
É um espaço com look de hotel envolto em todo o erotismo propício a algumas horas especialmente bem passadas. Aconselhamos a todos os casais hétero, gay, ou lésbicos, a experimentar sem reservas!

 

Já experimentaram uma ída ao motel? Se não, atrevam-se!

 

Ebony & Iv
Autoras do blog Tudo a Nu

Comentários recentes

  • Ebony & Iv

    É verdade que uma gafe na altura-chave PODE quebra...

  • Nu Anónimo

    sexting com erros é que não! é que um gajo não and...

  • Cláudia

    Não tenho nada a perder, só gostos muito requintad...

Miminhos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D